Moisés Patrício

Aceita?

portfolio

 

 

 

"[...] as novas expressões do racismo são disfarçadas e indiretas, e caracterizam-se pela intenção de não ferir a norma da igualdade e de não ameaçar o autoconceito de pessoa igualitária dos atores sociais. Não se quer significar com isto que as formas mais tradicionais e abertas de racismo, típicas das relações racializadas dos séculos XVIII, XIX e início do XX, deixaram de existir ou perderam em importância. Tencionamos apenas referir uma nova forma de expressão do racismo que procura conviver harmonicamente com a norma anti-racista, que, como uma erva daninha, nasce nas suas brechas. Também se deve referir que estas novas expressões de racismo, mais veladas e hipócritas, são tão ou mais danosas e nefastas do que as expressões mais abertas e flagrantes, uma vez que, por serem mais difíceis de ser identificadas, são também mais difíceis de ser combatidas."

 

"[...] the new expressions of racism are disguised and indirect, and are characterized by the intention of not violate the equality standard and not threaten the self-concept of egalitarian person of social actors. It does not mean that the most traditional and open forms of racism, typical of the racialized relations from the XVIII, XIX and beginning of the XX centuries, no longer exist or declined in importance. We only intend to mention a new form of expression of racism that seeks to go side by side harmonically with the anti-racist norm that, as weed, grows in its gaps. It should also be mentioned that these new expressions of racism, more veiled and hypocrite, are as much or more harmful and nefarious than the more open and obvious expressions, since, because they are harder to be identified, they are also harder to be fought."

 

Marcus Eugênio Oliveira Lima
Jorge Vala
As Novas Formas de Expressão do Preconceito e do Racismo

 

 

                       >