MINISTÉRIO DA CIDADANIA E REDE D'OR SÃO LUIZ APRESENTAM

APRESENTAÇÃO

 

SOBRE A EXPOSIÇÃO

00:00 / 02:52

O mundo enfrenta um processo de envelhecimento progressivo da população. De acordo com a Organização Mundial de Saúde [OMS], em 2050, existirão mais de 2 bilhões de pessoas com mais de 60 anos. Uma decorrência natural desse processo é o aumento na prevalência de doenças associadas ao envelhecimento, como a demência, uma das principais causas de incapacidade e morte entre idosos. 

A doença de Alzheimer [DA] é o mais prevalente tipo de demência, correspondendo a mais de 60% dos casos após os 65 anos de idade. A DA é um transtorno degenerativo, progressivo, irreversível e fatal, que se manifesta pela perda de funções cognitivas como memória, orientação e linguagem. Nos estágios iniciais, os sintomas podem ser confundidos com o processo natural de envelhecimento. 

Embora a doença de Alzheimer ainda não possa ser curada, revertida ou interrompida, ações de conscientização são fundamentais para o melhor enfrentamento da doença.

A exposição ‘Alzheimer’ reúne trabalhos inéditos produzidos por 20 artistas contemporâneos que aceitaram o difícil desafio de dialogar com o tema. Alguns artistas vivenciaram o drama da doença através de casos familiares ou pessoas próximas acometidas. Outros exploraram o assunto a partir de pesquisas e percepções próprias. O resultado é um painel de interpretações singulares que, em comum - da colagem ao graffitti, da pintura a óleo ao carvão - revelam um olhar sensível e humanista sobre o tema. Sem a pretensão de ser conclusiva, por abordar uma doença ainda não totalmente decifrada, a exposição ‘Alzheimer’ visa sensibilizar a sociedade e jogar luz sobre um importante desafio de saúde do nosso tempo e iminente epidemia global.

Em 5 de março de 2020, a exposição presencial, ação principal do projeto, foi inaugurada na Casa da Ciência da UFRJ, Rio de Janeiro.  Dias depois, todas as ações foram temporariamente suspensas em alinhamento com as diretrizes de contingência da Covid-19.  Neste momento, com a esperança de dias melhores e com o objetivo de potencializar o alcance do projeto, abrimos o conteúdo on-line. Agradecemos aos artistas e pesquisadores, à Casa da Ciência da UFRJ e à Rede D’Or São Luiz. Seja bem-vindo[a]!

VÍDEO GRAVADO NA INAUGURAÇÃO DA EXPOSIÇÃO NA CASA DA CIÊNCIA DA UFRJ

 

Artistas convidados:

Alberto Pereira
Andre Mogle
Apolo Torres
Bárbara Malagoli
Camile Sproesser
Diego Max
Domitila de Paulo
Flávio Grão
Gustavot Diaz
Hanna Lucatelli
Ingrid Bittar
Jesso Alves
Luiza de Alexandre
Marcel Lisboa
Marcia Albuquerque
Mariana San Martin
Mauricio Planel
Mazola Marcnou
Pas Schaefer
Pina

 

Colaboradores:

Maíra Assunção Bicca

Marília Zaluar Guimarães

Mychael Vinícius Lourenço

Concepção, curadoria e produção: ArtBio

Apoio: Casa da Ciência da UFRJ

Patrocínio: Rede D'Or São Luiz

barra de logos video2.png